Tratamentos Funcionais

Pós-oxidação

A Pós-oxidação Plasmar é um tratamento a plasma que gera uma camada de óxido preto na superfície de peças e componentes. É ideal para moldes e matrizes de injeção de alumínio e zamac, por diminuir a aderência ao material injetado, e para pinos de extração.

O processo é normalmente aplicado após a nitretação ou a carbonitretação, conseguindo também alta dureza e uma excelente combinação de propriedades.

A Pós-oxidação Plasmar pode substituir: oxidação preta ou escura a gás ou sal, cromo duro, níquel químico e, em aplicações de pouca exigência, revestimentos PVD.

Resultados no desempenho da peça

  • Diminui a aderência do molde ao material injetado (evita o agarre do material).
  • Diminui o coeficiente de atrito.
  • Aumenta a resistência à corrosão.

Vantagens do tratamento: qualidade Plasmar

  • Não gera distorções dimensionais ou geométricas na peça.
  • Não gera fragilidade, nem sequer nas bordas.
  • Pode ser aplicado em qualquer tipo de aço.
  • Preserva os tratamentos térmicos anteriores.
  • Preserva a dureza do núcleo.
  • Permite um tratamento parcial (de apenas algumas regiões da peça).
  • É distribuído de maneira uniforme em todas as regiões da peça que se deseja tratar.
  • As peças voltam à empresa do cliente limpas e prontas para o trabalho.
  • É um processo limpo para o meio ambiente e seguro para a saúde.

Ficha técnica do processo

  • Baixas temperaturas de processo (T<500C).
  • Tratamento prévio conforme a necessidade da aplicação (nitretação ou carbonitretação).
  • Camada de óxido preto (quimicamente magnetita pura) de, aproximadamente, 1µm (micrometro).

 

 

 


 

« Voltar


Planta de produção
e Administração

(54) 3536-0090
(54) 3536-0091


Centro de P&D
(54) 3218-2732